As melhores maneiras de cuidar e manter equipamentos de segurança contra incêndio

A maioria dos empresários está ciente das consequências devastadoras que um incêndio pode trazer para seus negócios. Por isso, eles se esforçam para proteger sua empresa e funcionários, instalando equipamentos de segurança contra incêndio de alta qualidade, como extintores de incêndio. No entanto, é importante lembrar que a proteção contra incêndio não termina aqui. O cuidado e a manutenção adequados são necessários para garantir que a segurança de seus funcionários e negócios não seja comprometida por dispositivos de combate a incêndio defeituosos ou defeituosos. Este procedimento envolve serviços profissionais, mas, além disso, o empresário também deve fazer sua parte, certificando-se de que os dispositivos de combate a incêndio em seu negócio sejam bem mantidos. Aqui estão as melhores maneiras de como fazer exatamente isso.

Serviço Anual Profissional

Os proprietários de empresas devem seguir a Ordem de Reforma Regulatória (Segurança contra Incêndios) de 2005. Nesta disposição, afirma-se que os equipamentos de combate a incêndio devem ser mantidos de acordo com a Norma Britânica reconhecida. Um dos requisitos é ter extintores de incêndio atendidos pelo menos uma vez por ano. Um técnico de manutenção profissional de uma empresa aprovada pela BAFE (British Approvals for Fire Equipment) deve fazer a manutenção de seus extintores. Além do extintor de incêndio, a manutenção anual também deve ser feita em seus outros dispositivos de segurança contra incêndio, como mangueiras de incêndio e sistemas de sprinklers.

Manutenção Regular Profissional

Além da manutenção anual, também é importante manter extintor de incêndio regularmente. Recrute um técnico para verificar frequentemente os dispositivos de combate a incêndio quanto a amassados, rachaduras, ferrugem, operação do manômetro, vedações antiviolação, pesos, degradação da tampa da cabeça, datas de teste de descarga e assim por diante. Uma vez que a verificação regular é feita, o técnico deve fornecer um relatório escrito detalhado sobre a inspeção, bem como preencher seu livro de registro de incêndio. Dessa forma, você terá uma visão geral do status de seus dispositivos de combate a incêndio.

Responsabilidades Próprias de Inspeção Mensal

A manutenção profissional não é a única coisa importante aqui. Você, como proprietário da empresa, também é responsável por realizar inspeções regulares de seus dispositivos de segurança contra incêndio. Por exemplo, você deve testar os detectores de fumaça pelo menos uma vez por mês para saber se as baterias precisam ser substituídas. Percorra as proximidades da empresa para ver se os dispositivos de segurança contra incêndio estão nos locais corretos e se os sinais apontam na direção certa. Examine o extintor de incêndio para determinar se há danos ou amolgadelas. Certifique-se de que o pino de segurança esteja reto. Registre suas inspeções no livro de registro de incêndio. Se você preferir não fazer o trabalho, designe alguém confiável e confiável para fazer tudo isso para você e certifique-se de que ele faça o trabalho corretamente.

É preciso muito trabalho para manter os equipamentos de segurança contra incêndio, mas devido à sua preciosa capacidade de fornecer proteção ideal para proteger sua empresa e funcionários, você não se importaria com isso. Além das inspeções profissionais e suas próprias, certifique-se de que os funcionários também participem. Eles devem relatar imediatamente se notarem quaisquer sinais de danos ou mau funcionamento no equipamento de segurança contra incêndio [out]. Além disso, treine um bombeiro para auxiliá-lo na manutenção e inspeção das ferramentas de combate a incêndio em sua empresa.

About admin

Check Also

Morte pelo fogo

Queimar na fogueira era uma forma de execução praticada pelo menos desde a Babilônia e …

Bir cevap yazın

E-posta hesabınız yayımlanmayacak.